Introdução

Mãe de 3 filhos (Rodrigo, Philippe e Fernanda), avó (quatro netas: Eduarda, Mirela, Luna e Laura), Supervisora Educacional, Profª aposentada de Língua Portuguesa e Literatura Brasileira; Pedagoga e Pesquisadora, Graduada em Letras e Pedagogia e Pós-Graduada (Especialista em Língua Portuguesa e Iniciação Teológica); Mestre em Letras e Ciências Humanas. Trabalho muito, estudo bastante, adoro pesquisar, ler boas obras; folhear jornais e revistas, assistir telejornais; viajar, ir ao Shopping, utilizar a Internet. Crio algumas "quadrinhas", gosto de elaborar projetos que não sejam engavetados.

The Daily Puppy

Daily Calendar

Postagens populares

Total de visualizações de página

http://www.lokaliza.com.br

Notícias

Loading...

terça-feira, 5 de abril de 2011

Um resumo muito bom


DISCUTINDO
A ESTRUTURA DO TEXTO ARGUMENTATIVO
Maria Teresa Tedesco Vilardo Abreu (UERJ)

De um modo geral, a argumentação é utilizada na língua para justificar ou rejeitar um ponto de vista, com objetivo de expor diferentes visões sobre determinado tema. No entanto, por mais que se reconheça uma orientação argumentativa no discurso humano não se pode confundir com a existência de uma estrutura prototípica dos textos escritos. Por isso, questiona-se a existência, de fato, de uma estrutura prototípica em textos produzidos em fase de escolarização. Para tanto, analisam-se textos produzidos por alunos no final do primeiro segmento do ensino fundamental e de alunos no final do ensino médio, a fim de se cotejar a macroestrutura do texto produzido nestas fases de escolarização e o postulado por estudiosos como Garcia (1987) e Gryner ( 2001) acerca da estrutura de textos argumentativos.
Assim, este trabalho tem como objetivo traçar um quadro analítico da produção de textos ditos argumentativos de diferentes alunos em fase de escolarização, verificando se a escola contribui para o domínio lingüístico textual. Pretende-se reconhecer os traços lingüísticos pertinentes aos recursos utilizados no texto em nível macro estrutural.

Nenhum comentário: